Saúde

Flúor não previne cáries

Flúor não previne cáries

O Flúor é extremamente tóxico, ele não previne cáries, foi implementado em países subdesenvolvidos como o Brasil para que os países ricos consigam se livrar desse lixo que polui seus solos.

Os países desenvolvidos já baniram há muito tempo o flúor do seu território, na maioria deles é crime jogar flúor no meio ambiente, sendo assim, eles exportam para os países pobres.

Acima de uma certa quantidade, o flúor não consegue ser eliminado pelo corpo, vai sempre se acumulando cada vez mais no organismo, intoxicando nossos órgãos e causando entupimentos.

Na década de 90, um grande cientista australiano tentou provar as benesses do flúor para os dentes, e os estudos de toda sua vida provaram justamente o contrário, que o flúor não traz benefício algum aos dentes, logo após foi descoberto sua característica tóxica e sua interferência na ação do magnésio, o que além de não ajudar, faz com que seus destes fiquem mais fracos e quebradiços, pois o magnésio é agente fundamental no transporte do cálcio para dentes e ossos.

Este estudo referenciado abaixo, datado do ano 2000, é a prova. O comparativo de crianças que foram tratadas com água fluoretada com crianças que bebiam água sem flúor levou a nenhuma mudança na saúde bucal das mesmas.

 

FONTE: The science and practice of caries prevention. JDB Featherstone – The Journal of the American Dental Association, 2000.

 

Autor: Redação Saúde Alimentar.

Uma resposta para “Flúor não previne cáries”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

notícias relacionadas

mais lidas em Saúde